quinta-feira, junho 12, 2008

Dia dos Namorados

Em homenagem aos apaixonados nesse dia especial, uma bela poesia de Chico muito bem acompanhada da belíssima fotografia de Alex Costa que traduzem o amor na sua forma mais bonita, pois assim ele deve ser, mesmo quando nos impõe situações difíceis, de dor e sofrimento só com a força e o poder desse sentimento verdadeiro somos capazes de enfrentar tudo, pois até diante da morte ele é vida e transcende para todo o sempre. Então vamos amar, amar muito, com toda nossa alma e coração!

Feliz Dia dos Namorados!

"Todo o Sentimento"
...

(Foto: Alex Costa/alexcostaimagens.blogspot.com)

Preciso não dormir
Até se consumar
O tempo da gente
Preciso conduzir
Um tempo de te amar
Te amando devagar e urgentemente
Pretendo descobrir
No último momento
Um tempo que refaz o que desfez
Que recolhe todo sentimento
E bota no corpo uma outra vez
Prometo te querer
Até o amor cair
Doente, doente
Prefiro então partir
A tempo de pode
A gente se desvencilhar da gente
Depois de te perder
Te encontro com certeza
Talvez num tempo da delicadeza
Onde não diremos nada
Nada aconteceu
Apenas seguirei
Como encantado ao lado teu.
Chico Buarque

Um comentário:

waltinho disse...

Represarei meus pensamentos,
Para que em mim se reflitam
As estrelas da noite
E as luzes da manhã...
Deixarei de correr entre campos e gargantas
Para sentir a carícia do vento
E refletir em minhas águas
Os píncaros nevados da montanha.
Represarei meus pensamentos
Para fixar o vôo dos pássaros,
A marcha das nuvens,
E o degelo das neves.
Deixarei de correr por vales e gargantas,
Se, na tranqüilidade de minhas águas,
Houver o espelho nítido e profundo
Onde se reflita o gesto de tuas mãos
E a graça do teu rosto.
Então adormecerei no fundo de mim mesmo
E sobre meus olhos abertos para a eternidade,
Os peixes vindos da noite
Tecerão filigranas indecifráveis,
Com o reflexo das escamas feitas de lua e sonho...


Amo vc! :-)